Graças a Deus por sua Misericórdia

misericordia-de-deus“Dize-lhes mais: Assim diz o Senhor: porventura cairão os homens, e não se levantarão? desviar-se-ão, e não voltarão? Por que, pois, se desvia este povo de Jerusalém com uma apostasia contínua? ele retém o engano, recusa-se a voltar. Eu escutei e ouvi; não falam o que é reto; ninguém há que se arrependa da sua maldade, dizendo: Que fiz eu? Cada um se desvia na sua carreira, como um cavalo que arremete com ímpeto na batalha”. Jeremias 8: 4 -6

Essa semana quando li Isaías capitulo 6 e meditei mais uma vez no chamado que Deus fez a Isaías, observei novamente a reação do profeta ao ver o Senhor. Isaías vê de maneira extraordinária o seu interior, ele consegue ver o seu coração sem nada encobrindo e, ele percebe que sua visão não é nada agradável, pois enxerga o seu pecado. Ao ver o seu interior, seu coração, seu pecado, ele fica apavorado e diz: “ai de mim” porque sou pecador, “ai de mim” porque estou vendo o meu pecado e agora estou perdido. O que o texto não diz, mas parece implícito, é que Isaías teve medo, possivelmente entendeu que fosse cair morto naquele mesmo instante. Ele pensou que não fosse resistir, pois um pecador vendo aquele que é Santo, Santo, Santo, certamente não resistiria. Certamente Isaías não resistiria se não fosse a misericórdia de Deus. Que bom que existe a misericórdia de Deus. 

Agora cabe aqui uma pergunta. Quando é que Deus usa sua misericórdia?

Deus usa sua misericórdia quando o homem se arrepende. Isaías entendeu que era pecador e se arrependeu do seu pecado, sendo assim encontrou a misericórdia de Deus ao seu alcance.

Você deve estar se perguntando; “por que o texto está se referindo tanto a Isaías se os versículos usados como base da mensagem são de Jeremias?” Fiz isso de propósito para mostrar a diferença da atitude de Isaías, da atitude do povo de Israel na época de Jeremias. No texto de Jeremias nós não vemos a misericórdia de Deus, antes vemos uma forte repreensão que Deus faz a seu povo através do profeta Jeremias e, por que há essa repreensão? Há essa repreensão porque não há arrependimento. O Senhor não estava sendo duro somente com o pecado do povo, o Senhor estava sendo duro porque não havia no povo arrependimento.

Por que Jesus era tão duro com os fariseus e tão dócil com os publicanos e prostitutas e todo tipo de pecadores que ele encontrava pelo caminho? A reposta é simples, os publicanos, as prostitutas e toda sorte de pecadores reconheciam seus pecados e muitos se arrependiam, enquanto os fariseus não enxergavam os seus pecados e por isso não alcançavam a misericórdia, pois quem não enxerga seu pecado não enxerga também a misericórdia de Deus.
Por isso veja seu pecado, se arrependa e receba de Deus a Sua misericórdia.

Por Pr. Edilson Nunes

#Compartilhar