O Senhor Cuida de Mim

pobrezaEm Salmos 40:17 encontramos o seguinte: “Eu sou pobre e necessitado, porém o Senhor cuida de mim.; tu és o meu amparo e o meu libertador; não te detenhas, ó Deus meu!”

O ser pobre não precisa necessariamente ser de ordem material. Podemos ser pobre de espírito, pobre de sentimentos. A pobreza muitas vezes é no campo das ideias, projetos ou intenções. Com isso tornamo-nos necessitados, carentes de ajuda, de receber apoio das pessoas e, principalmente, de Deus.

Em meio às carências e dificuldades da vida, enfrentadas no corre-corre do nosso viver diário, o Senhor apresenta-se como nosso cuidador; ele cuida de mim e de ti. Jesus é o nosso amparo, aquele que nos sustenta, nosso refúgio, consolo bem presente na angústia. Deus se denomina como Torre Forte. Tem um cântico que diz “Castelo Forte é o Senhor”.

Deus é o nosso refúgio e preserva a cada um de nós durante a tribulação, cercando-nos de alegres cantos de livramento. (Sl.32:7).

Nele encontramos lugar de fortaleza para as nossas vidas. Ele é o nosso libertador, que nos protege dos inimigos, nos livra do mal, é a nossa força em tempo de fraqueza; costumo dizer que o Espírito Santo de Deus é o melhor amigo! Nele podemos confiar; depositar em suas mãos os anseios, medos, dúvida, tudo. Ele é quem intercede por nós com sussurros inexprimíveis diante do Pai. Também nos consola, edifica, exorta; é o melhor conselheiro.

Tem um cântico que retrata bem isso: “Deus cuida de mim; à sombra das suas asas, Deus cuida de mim
Eu amo a Sua casa, e não ando sozinho, não estou sozinho, pois sei; Deus cuida de mim”.

A cada manhã experimentamos seu cuidado, que é renovado pelas suas eternas misericórdias; e estas, diz as Escrituras, não tem fim. Graças a ela recebemos força e alento para continuar a jornada da vida, olhando para o alto, para aquele que é o consumador da nossa fé.

Deus tem a cada um de nós bem no centro das palmas de suas mãos. Estamos amparados e cuidados por um Deus zeloso e amoroso. O amor de Deus nos constrange; esse amor não falha, é constante; só Ele tem Amor Perfeito!

Por Maria Lucia Lima Francisco - Teóloga -

#Compartilhar